Otima Condominios Nenhum comentário

Muitas pessoas optam por morar em condomínios por questão de segurança. Mas na real a história não é bem assim. A segurança efetiva vai depender de alguns fatores e responsabilidades de algumas pessoas em relação ao projeto de segurança. Ele deve incluir todas as áreas e gerenciamento de risco para cada uma delas. Dessas observações resultará o Manual de Normas e Procedimentos..

CLT ou Terceirização?

Assim como as áreas de limpeza, manutenção e jardinagem, a segurança também pode ser feita por funcionário próprio ou terceirizado. A vantagem do funcionário próprio do condomínio na segurança é a confiança e a lealdade ao local. Geralmente tem bom salário, treinamento e preparo inclusive para executar serviços mais complexos, contando ainda  com menor rotatividade, além de conhecerem melhor as instalações e a área. A desvantagem é a necessidade de um substituto de sobreaviso. O condomínio precisará ter pelo menos três funcionários nessa função, o que encarece o serviço.

Quando se opta pela terceirização, o condomínio contrata a empresa. A substituição é uma possível solução de problemas; os encargos trabalhistas são de responsabilidade da empresa contratada.  A desvantagem está no treinamento falho do funcionário, falta de conhecimento da área e da estrutura do condomínio em que atuará, pode ter alto índice de rotatividade, especialmente se o salário não é satisfatório.

Segurança patrimonial é direito do condômino

O condomínio deve oferecer condições seguras de moradia. É obrigação do síndico proporcionar segurança através da instalação de equipamentos adequados e treinamento dos funcionários para que possam executar a segurança patrimonial de forma correta.

Um bom sistema de segurança envolve investimentos em infraestrutura, em equipamentos e em procedimentos. As regras de segurança devem ser claras a todos os moradores e reforçadas periodicamente. Cabe aos funcionários envolvidos nesses procedimentos seu cumprimento integral. Não se deve dar margens a exceções.

Segundo especialistas, a maioria dos problemas que acontecem é por deficiência no sistema: equipamentos sem manutenção e não operantes, descumprimento dos procedimentos ou problema na infraestrutura.

Quais as principais recomendações?

Talvez o procedimento mais importante seja o controle de acesso. Esse é um dos grandes chamarizes de criminosos. A falta de treinamento ou desatenção do funcionário faz com que abram a porta ou portão para desconhecidos ou esses entram juntamente com moradores.

Cuidado ao contratar empresas terceirizadas. Peça referências e faça uma minuciosa pesquisa antes de passar-lhe o controle do condomínio. Infelizmente há empresas de fachada que são utilizadas para a prática de crimes.

Como promover a cultura da segurança?

A segurança é responsabilidade de todos e isso deve ficar claro. Caso haja algum descumprimento nesse sentido, deve-se aplicar punição para que todos saibam que, se um falhar, estará colocando em risco a vida de todos.

O grande segredo é reforçar sempre os procedimentos através de circulares, de campanhas, de alertas, cartilhas. A comunicação é a mais importante forma de prevenção. Todos são responsáveis pela segurança.

Agora que você já conhece como funciona e as vantagens, pode fazer a escolha certa em relação à segurança patrimonial.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

10 + catorze =